NEXIN

Núcleo de Estudo e Pesquisas Urbanas

O NEXIN foi criado oficialmente em 1994, quando foi cadastrado como Grupo de Pesquisa no diretório do CNPq , mas sua gênese data da segunda metade dos anos 80, no bojo do Núcleo de Estudos das Categorias Fundamentais do Psiquismo, coordenado pela grande mestra Sílvia Lane e na interlocução com outros dois: um da área das ciências sociais: NEPUR (Núcleo de Estudo e Pesquisas Urbanas do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da PUC-SP) e o outro da área das ciências da saúde: NEPSS (Núcleo de Estudos em Psicologia Social e Saúde da Escola de Enfermagem da USP). Nesse diálogo interdisciplinar , o NEXIN foi se configurando como um lugar de investigação e ação psicossocial sobre desigualdade social, com ênfase em questões referentes à tensão entre servidão humana e potência de ação emancipadora e entre inclusão e exclusão, em diferentes contextos de sua concretização histórica como políticas públicas, comunidades urbanas, rurais e indígenas, saúde, movimentos sociais de resistência, dispositivos disciplinares-ideológicos.

OBJETIVOS:

A) Consolidar um referencial teórico de análise do fenômeno psicossocial como ético-político, superando a dicotomia entre subjetividade e sociedade; mente e corpo, na interlocução entre a teoria social marxista, a psicologia dialética-materialista vigotskiana e laneana, a filosofia de Espinosa e as teorias críticas contemporâneas delas derivadas. Destaque é dado à recuperação da positividade epistemológica e ontológica da afetividade, transformando-a em categoria de análise da dialética Exclusão/Inclusão social, na dimensão: pública (como dispositivo ideológico e de alienação) e na subjetiva (como “sofrimento ético-político” e potência de ação);

B) Assegurar a presença da Psicologia Social na análise das questões sociais e subsidiar a prática psicossocial voltada à superação das diferentes formas de inclusão perversa; agindo na dialética entre a emancipação social, a autonomia cotidiana e a potência de ação do sujeito singular.

PRESSUPOSTOS

1) A concepção marxista de o “rico ser humano”, que existe como potencialidade ontológica e como realidade histórica, na dialética singular, particular, universal,
2) A concepção espinosista da necessidade essencial do ser humano passar da condição de servidão à modo livre e de que tudo que compõe com ela nos afeta como emoção alegre e potência de ação,
3) A concepção vigotskiana de criação como essência da liberdade,
4) A concepção laneana de ciência compromissada .

AÇÕES EM DESENVOLVIMENTO

Atualmente, suas pesquisas estão focadas na categoria de afetividade, visando retirá-la da negatividade epistemológica e política imposta pela história das ideias e analisá-la como questão social, indissocialmente ligada à ação e ao pensamento. Tal concepção provoca a revisão de conceitos clássicos da Psicologia Social como o de consciência, de multidão e de trauma e defronta essa ciência com a estética, a arte e o inconsciente.
De 1979 até 2015 foram defendidas 70 dissertações de mestrado e 36 teses de doutorado. O NEXIN conta com 16 livros representativos de sua produção, e acumulou uma vasta produção de artigos em periódicos nacionais e internacionais. Quatro desses livros apresentam seu referencial teórico-metodológico e são adotados em diversos cursos de graduação pelo país. São ele:
Sawaia, B.B ( org.)As Artimanhas da exclusão , (Vozes, 2015, 15° ed );
Lane, S.T.M. e Sawaia, B.B. Novas Veredas da Psicologia Social, (Brasilense, 1995)
Os demais são frutos de teses e dissertações defendidas por membros do NEXIN sendo um deles apontado como o que desencadeou e subsidiou a legislação sobre assédio moral de Margarida Barreto.

PRODUTO DA PESQUISA
Acesse a pesquisa

Território, coletivos de arte e a reinvenção do espaço público

Palavras Chave:

EQUIPE

Bader Burihan Sawaia

Pesquisadora | Lattes

Professora Titular da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo(PUCSP). Possui graduação em Ciências Sociais , mestrado e doutorado em Psicologia (Psicologia Social) pela PUCSP. (mais...)

Roger Seiji Itokazu

Pesquisador | Lattes

Mestrando em Psicologia Social (PUC/SP), Especialista em Saúde Pública (Fac. de Saúde Pública/USP) e Graduado em Psicologia (Universidade Presbiteriana Mackenzie). (mais...)

Elisa lisa Harumi Musha

Pesquisadora | Lattes

 Graduada em Psicologia, possui Especialização em Psicologia Hospitalar em Hospital Geral pelo Instituto Central do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (mais...)

Flávia Roberta Busarello

Pesquisadora | Lattes

Graduada em História e Psicologia pela Universidade Regional de Blumenau,  é Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Social da PUC-SP. (mais...)

 

Entre em contato com o grupo

Telefone: (11) 3670-8520
nexin@pucsp.br
facebook.com/nucleonexin
www.pucsp.br/nexin

Texto retirado do site do grupo. Mais informações clique aqui.

Conheça os Grupos envolvidos ou navegue pelos Produtos da Pesquisa